Sobre nós

Levar desenvolvimento e qualidade de vida para as famílias sem comprometer o planeta. É assim que todos devemos nos comportar através da educação ambiental ao desenvolvimento de novas tecnologias produtivas, tendo o meio ambiente como prioridade. O aproveitamento das fontes renováveis de energia e soluções de eficiência energética ganham destaque nas iniciativas das empresas. Onde permitem elevar a qualidade de vida de famílias e incrementar atividades econômicas, no entanto, sem agredir a natureza. Projetos assim evitam a adoção de medidas com alto impacto ambiental. saiba mais »
Loja Redmax

Redes Sociais

RSS Feed Twitter Facebook Delicious

Cadastre seu e-mail

Curiosidades – Independência ou Morte !

Postado por Defensor da Natureza em 5 de setembro de 2012 recebeu: 1 Comentário »

Sobre a Independência do Brasil, separamos alguns fatos curiosos que acontecem durante esse período. Vejam :

Um breve relato sobre a data histórica de 7 Setembro recorda o dia 9 de Janeiro de 1822, após um abaixo-assinado pedindo ao príncipe que não voltasse para Portugal, D. Pedro I disse que ficaria no Brasil. Esta data ficou historicamente conhecida como o “Dia do Fico”, com a célebre frase: “Se é para o bem de todos e felicidade geral da Nação, diga ao povo que fico”. Após o Dia do Fico, D. Pedro I tomou várias medidas que desagradaram a metrópole de Portugal, pois essas preparavam caminho para a independência do Brasil. Então D. Pedro I convocou uma Assembléia Constituinte, organizou a Marinha de Guerra e obrigou as tropas de Portugal a voltarem.

Foi determinado que nenhuma lei de Portugal seria colocada em vigor sem o ” cumpra-se “, ou seja, sem a sua aprovação. Além disso, o futuro imperador do Brasil, incentivava o povo a lutar pela independência.

O príncipe viajou para Minas Gerais e São Paulo para acalmar setores da sociedade que estavam preocupados com os últimos acontecimentos, pois acreditavam que tudo isto poderia ocasionar uma desestabilização social.

Durante a viagem, D. Pedro I recebeu uma nova carta de Portugal que anulava a Assembléia Constituinte e exigia a volta imediata dele para a metrópole. Estas notícias chegaram as mãos de D. Pedro I enquanto estava em viagem de Santos para São Paulo. Ao se aproximar do riacho do Ipiranga, levantou a espada e gritou : ” Independência ou Morte !”.

Este fato ocorreu no dia 7 de setembro de 1822 e marcou a Independência do Brasil. No mês de dezembro de 1822, D. Pedro I foi declarado imperador do Brasil.

Você Sabia ?

Entre alguns mitos desvendados está a presença de cavalos belíssimos na imagem que ilustra esse momento histórico. Na verdade, Dom Pedro I e sua corte subiram a Serra do Mar, vindo de Santos, mas em jumentos, já que os animais são mais resistentes para longas viagens do que os cavalos.

A 1ª Constituição brasileira foi outorgada pelo imperador em 25 de março de 1824. Mesmo com a Constituição em vigor, a independência só foi reconhecida por Portugal em 1825.

Os primeiros países que reconheceram a independência do Brasil foram os Estados Unidos e o México. Portugal exigiu do Brasil o pagamento de 2 milhões de libras esterlinas para reconhecer a independência de sua ex-colônia. Sem este dinheiro, D. Pedro I recorreu a um empréstimo da Inglaterra.

Postado em: Datas comemorativas


1 Resposta de “Curiosidades – Independência ou Morte !”

  1. Thiago disse:

    muito bom


Resposta