Sobre nós

Levar desenvolvimento e qualidade de vida para as famílias sem comprometer o planeta. É assim que todos devemos nos comportar através da educação ambiental ao desenvolvimento de novas tecnologias produtivas, tendo o meio ambiente como prioridade. O aproveitamento das fontes renováveis de energia e soluções de eficiência energética ganham destaque nas iniciativas das empresas. Onde permitem elevar a qualidade de vida de famílias e incrementar atividades econômicas, no entanto, sem agredir a natureza. Projetos assim evitam a adoção de medidas com alto impacto ambiental. saiba mais »
Loja Redmax

Redes Sociais

RSS Feed Twitter Facebook Delicious

Cadastre seu e-mail

Brinquedo reciclável com caixa de ovo passo a pas...

4 de abril de 2016 por Defensor da Natureza recebeu 0 Comentários »

Mais uma vez queremos que você se divirta aprendendo e ajudando a natureza. E hoje vamos aprender a fazer uma lagarta super legal com materiais recicláveis.

 

Materiais

– Caixas de ovos
– Limpadores de cachimbo
– Fita adesiva ou cola
– Papel
– Marcadores, hidrocores ou a caneta de sua preferência

Passo a passo

O primeiro passo é recortar uma tira da caixa de ovo para ser o corpinho da sua lagarta.

 

 

Depois que recortar o corpo, é hora de pintar e colorir. Faça como você achar melhor, lembrando que lagartas costumam ter cores vivas e fortes.

 

 

Para colocar as perninhas é muito fácil. Você só precisa cortar os cortadores de cachimbo em partes iguais para fixar embaixo do corpinho. Veja que o passo a passo das imagens utilizou fita adesiva para colar as perninhas.

 

Veja como sua lagarta deve ficar na parte de baixo. Depois você irá entortar essas “perninhas” e fazer com que elas fiquem mais parecidas com as patinhas da lagarta, como nas fotos a seguir.

 

Agora é hora de fazer os detalhes e características do rostinho da sua lagarta. Corte papeis redondinhos para fazer os olhos e faça dois furinhos em cima da cabeça para enfiar as anteninhas, também feitas de limpadores de cachimbo.

 

Prontinho agora é só brincar! Viu como é fácil fazer algo para brincar super divertido e ainda ajuda a natureza?

 

Fonte: Como fazer em casa

Coalas que nascem tão pequenos e viram grandes fo...

28 de março de 2016 por Defensor da Natureza recebeu 0 Comentários »

Hoje vamos conhecer melhor os Phascolarctos Cinereus, sabem quem são?

São os Coalas!

 

O Coala parece um ursinho super fofo, mas eles não são da família dos ursos, na verdade o Coala é um mamífero marsupial, isso porque ele carrega seu filhote em uma bolsa ventral.
Quando nasce, um filhote de Coala mede menos de 20 milímetros e pesa cerca de 0,5 g, é como se fosse um grãozinho de feijão. Por isso precisam ficar por volta de 6 meses na barriga da mãe Coala.

 

 

Depois vejam só como eles vão crescendo

 

 

O Coala tem esse nome, porque Koala significa “animal que não bebe”, de fato eles não bebem muita água, porque as folhas de Eucalipto que comem já tem bastante líquido.
E por falar em Eucalipto, é a comida favorita desses bichinhos, eles possuem até um cheirinho do Eucalipto.

 

 

Uma outra curiosidade dos Coalas, é que eles dormem até 18 horas por dia. E você sabia também que Coalas machos vivem até 10 anos e fêmeas alguns anos a mais,  houve uma época que existiam muitos e muitos desta espécie, mas com o tempo principalmente nas década de 1920 e 1930 por conta da caça da pele do animal, a população de Coalas diminuíram bastante. Infelizmente, ainda são uma espécie em extinção e são encontrados apenas no sudoeste da Austrália Meridional.

 

 

Esperamos que cada vez mais seja investido muito em projetos que ajudam a preservar esse animal tão fofo e importante para a natureza.

 

Conhecendo as Hienas

18 de março de 2016 por Defensor da Natureza recebeu 0 Comentários »

A hiena é um animal bem interessante, e foi até vilão do clássico filme “Rei Leão” com aquelas gargalhadas um tanto assustadoras. As hienas são animais bem curiosos e diferentes, vamos conhecer mais sobre esse animal que vive no continente africano.

 

 

Tipos de hienas

Existem três espécies de hiena

  • hiena listrada
  • hiena marrom
  • hiena dourada

 

Hienas são hermafroditas
Por essa não esperava não é mesmo, mas sim, elas possuem dois sexos, ou seja, tem os órgãos feminino e masculino no mesmo corpo.

Hienas são canibais
Elas não se alimentam com frequência da própria espécie, mas quando elas entram em uma briga para competir espaço e alimento pode acontecer de comerem até seus amigos e parentes.

 

Hienas usam o mal cheiro para marcar seu território
Elas depositam uma substância  com cheiro bem forte , mas por sorte nós humanos não conseguimos perceber o cheiro, já outros felinos e predadores sentem muito bem.

 

Hienas falam com as outras por sinais corporais
Quer entender como?
Quando a cauda de um hiena é levantada em linha reta, por exemplo, ela está sinalizando um ataque. Quando a calda faz movimentos para cima e para frente sobre o dorso ela está animada, feliz. Quando o movimento é ao contrário, para baixo, ela está triste. Se está assustada, o animal coloca o rabo entre as pernas, como o cachorro o faz.

Nossa elas são demais não é mesmo? Essa foi uma sugestão de um de nossos leitores, se você também quer saber mais sobre algum animal é só nos enviar nos comentários!

Até a próxima Defensores! ;)

 

Fonte: Cultura mix 

Aprenda a fazer um chocalho com materiais reciclá...

23 de fevereiro de 2016 por Defensor da Natureza recebeu 0 Comentários »

Criança gosta mesmo é de brincar e que tal se divertir e ajudar a natureza? Você pode fazer isso quando monta um brinquedo com materiais recicláveis. Aprenda hoje como fazer um chocalho super legal!

Materiais

  • 2 latas pós-consumo
  • Grãos (arroz, feijão ou milho de pipoca)
  • Papéis coloridos
  • Fita adesiva
  • Tesoura
  • Cola branca
  • Cola bastão

 

Como fazer:

  • Coloque os grãos dentro da lata. Eles serão responsáveis pelo som do chocalho.  Depois una as duas latas com a fita adesiva. Comece a decoração. Usando a cola cole o papel na lateral da lata ou até recortes de E.V.A.
  • Recorte um circulo em outro pedaço de papel. A dica é usar a lata como molde. Cole nos fundos das latas.

Pronto, agora é só se divertir!

 

Fonte: Clicrbs

Como fazer um Bilboquê passo a passo

15 de fevereiro de 2016 por Defensor da Natureza recebeu 0 Comentários »

Oba chegou a hora da diversão, mas é claro que usaremos nossa criatividade para montarmos um brinquedo com materiais recicláveis. Confira abaixo o passo a passo e veja como é super fácil.

Materiais para a confecção:

· Uma garrafa PET descartável;

· Uma tampinha de refrigerante;

· Barbante;

· Tesoura;

· Materiais para enfeitar;

Como fazer:

· Corte a garrafa PET na altura do gargalo, lembrando uma tacinha;

· Corte cerca de 30 cm de barbante;

· Amarre uma ponta de barbante na tampinha de refrigerante e amarre a outra ponta na ponta da garrafa PET;

· Enfeite o bilboquê com os materiais que você quiser;

· Agora é só jogar e brincar, tentando colocar a tampinha dentro da garrafa sem usar as mãos.

 

Fonte: Quem recicla se diverte

Conheça um animal um tanto diferente, o Vombate.

10 de fevereiro de 2016 por Defensor da Natureza recebeu 0 Comentários »

Os Vombates (Wombates) pertencem a família de marsupiais originários da Austrália. Você já ouviu falar neles?
Esses fofos vivem em ilhas da Austrália, são super peludos, grandes e podem pesar até 40 kg, mas isso quando são adultos, pois filhotes, olhem só como são:

Eles são adeptos a vida noturna, e adoram dormir, afinal chegam a ficar até 16 horas por dias dormindo. Isso por causa do seu metabolismo lento.
Mas quando acordados são bem espertos, são ótimo cavadores, não criam apenas buracos. Vombates são capazes de criar túneis subterrâneos com várias conexões, onde são ocupados por suas famílias.

Uma curiosidade que você não vai imaginar!
Para procriarem precisam da atenção da fêmea, e é por isso que esses animais costumam posicionar as fezes que produzem em lugares próximos às suas tocas, para que o cheiro exalado seja capaz de atrair alguma fêmea. Outra curiosidade: as fezes desses bichos tem formato cúbico – e eles produzem de 80 a 100 cubinhos por dia!

Realmente muito diferente esse nosso amiguinho da natureza, não é mesmo?
E infelizmente eles estão em perigo . Os Vombates estão sofrendo de uma doença chamada sarna sarcóptica que foi introduzida na Austrália através de atividades humanas. O ácaro que causa a sarna provoca ferimentos na pele que se tornam em miíases (bicheiras) e sépticos. Isto leva a uma morte longa, lenta e dolorosa para os Vombates.
Mas atualmente os veterinários começaram a receber um treinamento para lidar com a saúde de animais nativos. Estudos comportamentais sobre os Vombates são poucos e limitados no seu âmbito. Como resultado, os Vombates são mal compreendidos e aqueles que tentam erguer e reabilitar Vombates feridos e órfãos têm dificuldades em dar-lhes a atenção médica adequada e em ajudar os outros a entender as melhores formas de conviver com esses animais.

Estaremos todos na torcida para que esses animais continuem bem na natureza. E que possam cada vez mais cuidar dos Vombates.

Auuu! Conheça todas as espécies de Lobo.

1 de fevereiro de 2016 por Defensor da Natureza recebeu 0 Comentários »

Auuuu! Eles são conhecidos por uivarem para a lua, são fortes e grandes caçadores. Estamos falando dos lobos e você sabia que existem vários deles?
Hoje vamos conhecer esses mamíferos que são realmente incríveis.

 Lobo da montanha

Ele é considerado o ancestral dos cachorros, sim igual aqueles que podemos criar em casa. Surgiram nas Europa, Ásia e América do Norte.

 

Lobo Vermelho

Infelizmente essa espécie está em extinção, atualmente existem apenas cerca de 250 deles, entre eles, 200 estão em cativeiros.
Acredita-se que o lobo-vermelho é um híbrido fértil do cruzamento entre o lobo cinzento e o coiote. Dessa forma, o conceito de espécie por isolamento reprodutivo não é aplicável ao lobo-vermelho.

 Lobo Ibérico

Ele é da família do lobo-cinzento que se encontra na Península Ibérica, existem apenas 2000 deles, alguns deles habitam a região do norte de Portugal.

 Lobo da Neve

Conhecidos com grandes fortes, podem chegar a 3m de extensão, eles vivem em regiões frias, que nevam bastante e seus pelos  o protegem do frio e também ajuda a aquecer quem estiver tocando neles. Sua pelagem é branca como a neve e algumas dessas espécies possuem o pelo cinza claro.

Conheça os 7 animais mais incríveis do mundo

25 de janeiro de 2016 por Defensor da Natureza recebeu 0 Comentários »

O mundo está repleto de animais e muitos deles possuem qualidades incríveis, como rapidez, velocidade, inteligência.

Preparamos para vocês 7 deles, com as mais diversas características.

O animal mais colorido: Camaleão-pantera
Uma espécie nativa de Madagascar, ele é considerado o “rei das cores”. Além de usar as diferentes cores para camuflagem, as fêmeas mudam a coloração para anunciar a gravidez. Seu nome científico é Furcifer pardalis.

 

O animal terrestre mais rápido: Guepardo (ou Chita)
Esse incrível felino alcança até 115 km/h, ganhando o posto de animal terrestre mais rápido do mundo. Ela é capaz de atingir os 100 km/h em apenas três segundos, feito comparável aos carros mais potentes do mundo.

 

O animal mais rápido: Falcão peregrino
A chita pode ser incrivelmente rápida, mas nem se compara ao falcão peregrino, que chega a alcançar velocidades de até 330 km/h em seus voos. Na verdade, alguns especialistas acreditam que ele possa alcançar até 400 km/h.

 

O maior animal vertebrado: Baleia-azul
A baleia-azul chega a ter até 30 metros de comprimento e a pesar até 180 toneladas, e tudo isso comendo só peixinhos “light” e pequenos crustáceos – nada de doces na dieta.
A baleia-azul é na verdade o maior animal vertebrado que já habitou esse planeta. Seu peso e tamanho chega a superar até os maiores dinossauros. O maior dinossauro, o Argentinossauro, que viveu no período Mesozoico, pesava cerca de 90 t.

 

O animal mais fedido: Diabo-da-tasmânia
Se você achou que o mais fedido seria o cangambá, está enganado. O odor do diabo-da-tasmânia chega a superar o concorrente. Quando se sente ameaçado, exala um cheiro forte e nada agradável, capaz de espantar qualquer um.

 

O animal mais feio: peixe-gota
Claro que esse é um conceito bem subjetivo, mas o peixe-gota certamente figuraria na lista de qualquer pessoa entre os animais mais feios do mundo. Seu nome científico é Psychrolutes marcidus. Ele habita as águas profundas das costas da Austrália e Tasmânia, raramente sendo visto por seres humanos.

 

O animal mais bonito: leão branco
É quase impossível eleger os animais mais bonitos do mundo, tamanha a beleza da natureza. Eleger “O” mais bonito então, é quase uma ofensa, então encare isso como uma sugestão para se pesquisar.
Entre os felinos, que sempre chamam a atenção, o leão branco consegue se destacar, com seu pelo branco e olhos azuis ou dourados. Seu pelo sofre uma mutação de cor devida a uma particularidade genética chamada leucismo, mas esta é a única diferença entre ele e o leão sul africano.

 

Fonte: ciclovivo

Conhecendo as aves de rapina do Brasil

5 de janeiro de 2016 por Defensor da Natureza recebeu 0 Comentários »

Elas são majestosas, quando estão voando são incríveis e fortes. Além disso, elas são muito importantes para o nosso ecossistema. Sabe de quem estamos falando?

Das aves de rapina!

Primeiro vamos conhecer algumas aves de rapina do nosso território brasileiro:

 Gavião-ripina

Gavião-preto

Gavião-cinza

Falcão-de-peito-laranja

Coruja-de-crista

Condor-dos-andes

As aves de rapina são bem interessantes, por causa de seus sentidos, a visão é incrível, pois enxergam suas presas a grandes distâncias. A audição é super desenvolvida. O olfato está ligado com a visão e audição para ajudar a encontrar os alimentos e evitar o perigo.

Todas as aves possuem ossos pneumáticos, ou seja, ossos ocos que as tornam mais leves ajudando no voo. Em algumas partes internas os ossos possuem nervuras para torná-los mais fortes. Os principais músculos do voo estão ligados ao grande osso peitoral. Esses músculos peitorais nas aves de rapina representam grande parte da massa corpórea da ave (correspondem quase à metade do peso da ave), os músculos que impelem as asas para baixo são muito maiores que os músculos do que os que movimentam as asas para cima isso porque eles precisam de mais força para comprimir as asas para baixo, movimento que vai contra a gravidade e o vento (movimento submetido a uma pressão maior).

Inacreditável, não é mesmo? Quando ver pássaros voando em sua cidade, comece a reparar se são aves de rapina e tente identificar qual delas são.

 

Fonte: Aves de rapina do Brasil

Conhecendo as curiosidades dos animais do Pantanal

23 de novembro de 2015 por Defensor da Natureza recebeu 0 Comentários »

O nosso Brasil tem uma rica diversidade de florestas e animais, e hoje iremos conhecer melhor o Pantanal, que é muito importante para nós. O Pantanal apresenta grande diversidade de espécies de plantas superiores, como árvores e arbustos (1.647 espécies) e alta diversidade de fauna: 263 espécies de peixes, 122 espécies de mamíferos, 93 espécies de répteis, 1.132 espécies de borboletas e 656 espécies de aves.
Quantos animais não é mesmo? Veja algumas curiosidades dos animais do Pantanal:

 

  • A maior cobra do Pantanal é a sucuri amarela. Mede até 4,5 metros e se alimenta de peixes, aves e pequenos mamíferos.

  • Tuiuiú, ave-símbolo do Pantanal, tem mais de 2 metros de envergadura com as asas abertas.

  • O jacaré do Pantanal mede até 2,5 metros de comprimento, alimentando-se principalmente de peixes.

  • O maior peixe do Pantanal é o jaú, um bagre gigante que chega a 1,5 metro de comprimento, pesando até 120 quilos, e também há mais espécies de peixes no Pantanal do que na Europa (263 no Pantanal contra aproximadamente 200 em rios europeus)

  • A onça pintada do Pantanal chega a pesar 150 quilos, alimentando-se de aproximadamente 85 espécies de animais que vivem na região.

  • Existem mais espécies de aves no Pantanal (656 espécies) do que na América do Norte (cerca de 500) .